• Vadis da Silva

Organizadores de Eventos: solução oferecida pelo e-Marketplace do Turismo empodera o setor

Solução disponibilizada instrumentaliza o segmento M.I.C.E na venda de todo o receptivo dos destinos sedes de eventos, com vantagens exclusivas para os clientes do setor. Mais uma forma inovadora de monetizar o seu evento.

É certo que o turismo de negócios e eventos pode ser um dos segmentos de maior relevância para o desenvolvimento e fortalecimento do turismo dos destinos. Contudo, a questão é: como fazer, de forma prática, isto realmente se transformar em realidade? Ciente do potencial e das carências do setor e, de outro lado, o interesse dos destinos sedes de eventos de médio e grande porte em se vender, a Gestour Brasil customizou uma solução prática, exclusiva que, a partir de hoje pode ser utilizada pelos organizadores e destinos sedes de eventos, como parte das soluções que gratuitamente podem ser acessadas no e-Marketplace Cooperativado do Turismo Brasileiro, no conjunto de soluções tecnológicas de base web ofertadas para fomentar o desenvolvimento e fortalecimento integrado de toda a cadeia produtiva do turismo nacional. Em apenas alguns minutos e poucos cliques, o organizador de eventos pode ativar uma loja virtual exclusiva para cada um dos seus eventos e passar a vender todo o receptivo apenas do destino sede ou de quantos destinos da região ele julgar relevante ser ofertado para os participantes do seu evento. Segundo o CEO da Gestour Brasil e fundador e coordenador Nacional do e-Marketplace Cooperativado do Turismo Brasileiro, Vadis da Silva, o grande mérito da solução é o fato de possibilitar que todo o portfólio de produtos e serviços do receptivo dos destinos habilitados pelo organizador do evento, sem exceção, discriminação, ou capacidade individual de articulação comercial de cada produtor, possam todos estar sendo mostrados, de forma especial, para o público que estará na cidade para participar do evento. Os participantes de cada evento são estimulados por descontos exclusivos na compra do receptivo e utilização do voucher no período estendido desde 5 dias antes até 5 dias depois do evento, alongando desta forma, a permanência do visitante no destino. Para o organizador do evento, por sua vez, além da redução de custos operacionais e de divulgação do evento, abre a possibilidade de uma nova e estruturada fonte de receitas. Ainda, não se pode deixar de também lembrar que esta nova ferramenta pode se tornar um valioso agregador de valor para os C&VBx como parte do pacote de incentivos ofertados pelo destino, no momento de captação de um grande evento, finaliza Vadis. Para maiores detalhes e ativação da loja virtual de eventos, acesse: www.turismomeunegocio.com.br/eventos Os eventos com lojas virtuais ativadas são divulgados nas lojas virtuais dos e-marketplaces (cidades, região, estado, macrorregião e nacional do destino sede do evento), bem como, nas lojas virtuais das empresas desses destinos. Para verificar um exemplo, acesse: https://www.gestour.com.br/brasil/eventos/de/brasil

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo